CDS questiona Governo sobre nova ligação ferroviária a Sines
Quinta, 01 Março 2018 16:01    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

nuno magalhaes pqNuma pergunta dirigida ao Ministro do Planeamento e das Infraestruturas, os deputados do CDS Nuno Magalhães, Pedro Mota Soares e Hélder Amaral querem saber se o futuro Corredor Ferroviário Internacional Sul será utilizado para o transporte de mercadorias e de passageiros, e se existem constrangimentos que possam levar a que seja vedada a possibilidade de utilização daquela ferrovia na vertente de passageiros, e quais.

Ao longo da última década, Portugal tem vindo a fazer uma forte aposta na dinâmica económica, nomeadamente no que respeita às exportações. Assim, e considerando a estratégia lançada há alguns anos para aumentar a competitividade das empresas, tornava-se necessário fazer uma aposta estratégica em investimentos que pudessem ser considerados de elevado valor acrescentado.

Após uma análise efetuada por um grupo de trabalho especializado, o Governo de então levou a cabo uma avaliação nacional que originou um consenso expresso no documento designado por Plano Estratégico de Transportes e Infraestruturas 3+ (PETI3+).

Nesse mesmo documento, o chamado “corredor Sines/Setúbal/Lisboa-Caia” era considerado fundamental para o futuro do país, dado que a intervenção visava “… reforçar a ligação ferroviária ao Porto de Sines, tendo em vista o aumento da sua atividade como porta de entrada na Europa, em especial na Península Ibérica, alargando o seu hinterland e articulando com outras ligações aos portos de Lisboa e Setúbal”.

Este foi, assim, um investimento apontado como de elevado valor acrescentado dado que, dizia-se: “A realização deste projeto apresenta um potencial elevado no que concerne ao transporte de mercadorias e um potencial moderado no que diz respeito ao transporte de passageiros…”.

Sobre esta última vertente do investimento considerava-se que a mesma potenciaria ainda “… a melhoria de ligações consideradas insuficientes a aeroportos e portos, núcleos urbanos densos, interfaces e equipamentos públicos, serviços e indústria localizados ao longo deste eixo ferroviário”.

Mais recentemente, e após o atual Governo dar forma ao chamado Plano “Ferrovia 2020”, sobre a intervenção diz-se: “O projeto visa assegurar a ligação ferroviária entre o sul de Portugal e a Europa, de modo a viabilizar um transporte ferroviário de mercadorias eficiente, permitindo a articulação entre os Portos do Sul e a fronteira do Caia. As intervenções visam assegurar a interoperabilidade ferroviária do Corredor”.

Estas referências objetivas à finalidade do investimento deixaram muitas entidades locais preocupadas com o facto de não existir qualquer referência à possibilidade de o futuro eixo ferroviário poder ser utilizado na vertente de passageiros.

Ainda assim, e mais recentemente, o Ministro do Planeamento e das Infraestruturas deu uma entrevista ao jornal Público, onde refere que “…a linha não fica barrada a que lá passem comboios de passageiros. É feita sobretudo com uma orientação estratégica para o reforço do transporte de mercadorias, mas não fica, digamos assim, ocupada o dia inteiro. É natural que passem também comboios de passageiros nessa linha”.

Dadas as muitas informações que já foram veiculadas sobre o futuro corredor ferroviário importa deixar bem claro, para esclarecimento de todas as entidades locais, se existirá ou não a possibilidade de transporte de passageiros naquela ferrovia.

 

História CDS

user4_pic

Conheça a história do Grupo parlamentar do CDS.

Parlamento Direto

bancada copy

Videos do Plenário, comissões e outras intervenções.

Iniciativas CDS

1 reuniao gp

Projetos de Lei e Projetos de Resolução apresentados pelo Grupo Parlamentar.

Deputados CDS

News image

Assunção Cristas

Círculo Eleitoral Leiria Presidente do CDS-PP

News image

Nuno Magalhães

Círculo Eleitoral Setúbal Presidente do Grupo Parlamentar Vice-Pres...

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Vice-Presidente do Grupo Parlamentar Vic...

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Hélder Amaral

Círculo Eleitoral Viseu Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Teresa Caeiro

Círculo Eleitoral Faro Vice-Presidente da Assembleia da República

News image

António Carlos Monteiro

Círculo Eleitoral Aveiro Secretário da Mesa da Assembleia da Repúblic...

News image

Álvaro Castello-Branco

Círculo Eleitoral Porto

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Filipe Anacoreta Correia

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Ilda Araújo Novo

Círculo Eleitoral Viana do Castelo

News image

Isabel Galriça Neto

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

João Rebelo

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Patrícia Fonseca

Círculo Eleitoral Santarém

News image

Pedro Mota Soares

Círculo Eleitoral Porto

News image

Vânia Dias da Silva

Círculo Eleitoral Braga