CDS-PP questiona Anacom sobre constrangimentos na rede móvel em Armamar
Quarta, 26 Setembro 2018 17:20    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

helder-amaral-02O CDS-PP anunciou hoje ter questionado a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) sobre alegados constrangimentos de acesso à rede móvel no concelho de Armamar, no distrito de Viseu.

“Têm vossas excelências conhecimento de que no concelho de Armamar não existe cobertura de rede móvel suficiente, sendo que nos poucos sítios em que os telefones têm rede é quase impossível conseguir-se a realização de uma chamada com duração superior a três minutos?”, pergunta o deputado Hélder Amaral.

Segundo o deputado do CDS-PP, “apesar da proliferação dos serviços móveis, há ainda quem tenha dificuldades na sua utilização, dada a inexistência de cobertura das redes móveis em algumas freguesias”.

No seu sítio da Internet, a Anacom refere que “outras áreas necessitarão claramente de ver reforçados os níveis de cobertura e de capacidade existentes, os quais apresentam défices importantes” e admite que as populações “estão a ser prejudicadas”, refere.

Hélder Amaral acrescenta que, “ao que parece, a Anacom tomou decisões no âmbito da cobertura nacional da Banda Larga Móvel” e, em março de 2016, decidiu “impor à Meo, Nos e Vodafone obrigações adicionais de cobertura de banda larga móvel do território nacional, na sequência da renovação das licenças destes operadores por mais 15 anos”.

A Anacom “aprovou uma lista de 588 freguesias potencialmente sem banda larga móvel que terão de passar a ter este tipo de cobertura”, afirma, lamentando que, de acordo com esse documento, não haja no concelho de Armamar “qualquer freguesia identificada como localização potencialmente sem banda larga”.

“Considerando todas as afirmações que a Anacom tem feito em matéria de cobertura de redes móveis e a decisão sobre lista de freguesias tendencialmente sem cobertura de banda larga móvel, estão em condições de nos garantir que os constrangimentos de cobertura de rede em Armamar estão em fase de resolução?”, questiona.

Hélder Amaral quer ainda saber o porquê de, “após a renovação das licenças dos operadores móveis por mais 15 anos, que produzirá efeitos a partir de 2018, não constou da listagem de freguesias potencialmente sem banda larga o concelho de Armamar, uma vez que nem cobertura de rede móvel existe”.

O CDS-PP decidiu dar entrada com a pergunta na Assembleia da República na sequência de uma reunião com um vereador de Armamar.

Actualizado em ( Segunda, 01 Outubro 2018 12:08 )
 

História CDS

user4_pic

Conheça a história do Grupo parlamentar do CDS.

Parlamento Direto

bancada copy

Videos do Plenário, comissões e outras intervenções.

Iniciativas CDS

1 reuniao gp

Projetos de Lei e Projetos de Resolução apresentados pelo Grupo Parlamentar.

Deputados CDS

News image

Assunção Cristas

Círculo Eleitoral Leiria Presidente do CDS-PP

News image

Nuno Magalhães

Círculo Eleitoral Setúbal Presidente do Grupo Parlamentar Vice-Pres...

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Vice-Presidente do Grupo Parlamentar Vic...

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Hélder Amaral

Círculo Eleitoral Viseu Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Teresa Caeiro

Círculo Eleitoral Faro Vice-Presidente da Assembleia da República

News image

António Carlos Monteiro

Círculo Eleitoral Aveiro Secretário da Mesa da Assembleia da Repúblic...

News image

Álvaro Castello-Branco

Círculo Eleitoral Porto

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Filipe Anacoreta Correia

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Ilda Araújo Novo

Círculo Eleitoral Viana do Castelo

News image

Isabel Galriça Neto

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

João Rebelo

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Patrícia Fonseca

Círculo Eleitoral Santarém

News image

Pedro Mota Soares

Círculo Eleitoral Porto

News image

Vânia Dias da Silva

Círculo Eleitoral Braga