Mau tempo: CDS-PP quer lançar discussão sobre seguro obrigatório na agricultura
Terça, 06 Novembro 2018 14:50    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

assuncao cristas lusa paulo novaisA líder do CDS-PP defendeu hoje, em Montemor-o-Velho, uma discussão sobre um eventual seguro obrigatório para os produtores agrícolas, ressalvando que sendo um custo adicional para os agricultores só poderá existir baixando o preço dos seguros.

Em declarações aos jornalistas durante uma visita a campos de milho que foram destruídos, na zona do Baixo Mondego, pela tempestade Leslie, Assunção Cristas frisou que a discussão sobre um eventual seguro obrigatório terá de ser colocada "em cima da mesa" a prazo.

"Há um problema desde logo: é um custo adicional para os agricultores e portanto não se pode fazer isso sem, ao mesmo tempo, baixar muito o preço dos seguros, nomeadamente através do apoio comunitário dos fundos europeus do PDR 2020 e, de hoje para amanhã, doutro programa", argumentou a líder centrista.

"Uma coisa sem a outra não é viável, porque isso penalizaria os agricultores, sem que eles conseguissem, depois, prosseguir a sua atividade", avisou.

Assunção Cristas enfatizou que quanto mais pessoas tiverem seguros "mais baratos serão esses seguros e melhores coberturas conseguem ter", podendo, no futuro, evoluir-se para um sistema de seguros "cada vez mais eficaz", financiado por fundos europeus, experiência que disse ter sido iniciada pelo Governo anterior e que retrocedeu com o atual Governo.

"É preciso aqui que o Governo não dê passos atrás, como infelizmente deu, quando retirou uma parte do cofinanciamento dos fundos comunitários. Pelo contrário, é preciso que se empenhe em estabelecer mais coberturas adicionais, em negociar com as seguradoras, em conseguir ter melhores condições", alegou Assunção Cristas, defendendo que o Governo "insista e aprofunde esse caminho".

Durante a visita de hoje, Armindo Valente, presidente da cooperativa agrícola de Montemor-o-Velho, estimou em 10 a 15 milhões de euros os prejuízos causados pela tempestade de 13 de outubro nas culturas do Baixo Mondego, revelando que foram afetados cerca de seis mil hectares de milho e 300 de arroz e entre seis a sete mil agricultores.

 

História CDS

user4_pic

Conheça a história do Grupo parlamentar do CDS.

Parlamento Direto

bancada copy

Videos do Plenário, comissões e outras intervenções.

Iniciativas CDS

1 reuniao gp

Projetos de Lei e Projetos de Resolução apresentados pelo Grupo Parlamentar.

Deputados CDS

News image

Assunção Cristas

Círculo Eleitoral Leiria Presidente do CDS-PP

News image

Nuno Magalhães

Círculo Eleitoral Setúbal Presidente do Grupo Parlamentar Vice-Pres...

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Vice-Presidente do Grupo Parlamentar Vic...

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Hélder Amaral

Círculo Eleitoral Viseu Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Teresa Caeiro

Círculo Eleitoral Faro Vice-Presidente da Assembleia da República

News image

António Carlos Monteiro

Círculo Eleitoral Aveiro Secretário da Mesa da Assembleia da Repúblic...

News image

Álvaro Castello-Branco

Círculo Eleitoral Porto

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Filipe Anacoreta Correia

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Ilda Araújo Novo

Círculo Eleitoral Viana do Castelo

News image

Isabel Galriça Neto

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

João Rebelo

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Patrícia Fonseca

Círculo Eleitoral Santarém

News image

Pedro Mota Soares

Círculo Eleitoral Porto

News image

Vânia Dias da Silva

Círculo Eleitoral Braga