CDS arranca hoje jornadas parlamentares em Braga com visita a fábrica e hospital
Segunda, 28 Janeiro 2019 09:46    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

nuno magalhaes - nuno ferreira santosO CDS-PP inicia hoje as suas jornadas parlamentares em Braga, dedicadas à segurança interna e Europa, com visitas a uma empresa da industria têxtil e ao hospital da cidade.

O hospital de Braga, até agora gerido por uma parceria público-privada e que o Governo admite passar para a gestão do Estado, é, nas palavras do líder parlamentar do partido, Nuno Magalhães, “uma das vítimas desta maioria de esquerda que impõe as suas convicções, impõe a sua ideologia”.

À tarde, o líder parlamentar centrista, Nuno Magalhães, abre as jornadas, que decorrem num hotel da cidade, seguindo-se um o artigo 13.º da Diretiva Europeia dos Direitos de Autor.

Este artigo prevê o uso de filtros automáticos que bloqueiam previamente as publicações cujos conteúdos violam os direitos de autor e deu origem a receios, por parte de ‘youtubers’, como o português Wuant, que pode acabar com a Internet, versão contrariada pela Comissão Europeia.

Está ainda previsto outro debate, este sobre os fundos de coesão da União Europeia, moderado pelo deputado e candidato europeu Pedro Mota Soares, com Nuno Melo, que será de novo cabeça de lista do partido nas europeias de maio, e ainda João Machado.

Na terça-feira, o tema é a segurança, a vários níveis, da proteção civil à policial. José Manuel Moura, que fez parte do observatório técnico independente, fala sobre proteção civil, e Carlos Anjos, ex-inspetor da Polícia Judiciária, é outro dos participantes.

“A insegurança e o vandalismo” são temas que “têm preocupado muito os portugueses, sobretudo os que vivem nas áreas metropolitanas de Lisboa, Porto e Setúbal”, disse Nuno Magalhães.

Braga é um distrito “muitíssimo importante, onde o CDS tem muita tradição”, justificou aos jornalistas o líder parlamentar dos centristas, Nuno Magalhães, numa referência aos resultados obtidos naquele círculo, onde, em 2015, o partido elegeu três deputados, em coligação com o PSD.

Em 2011, quando concorreram sozinhos e Paulo Portas era líder do partido, os centristas conseguiram 10,37% dos votos, elegendo dois deputados, os mesmos que em 2009, com 10,39%. Um deles era Altino Bessa, um dos atuais críticos da líder do partido, Assunção Cristas.

A líder do CDS-PP, Assunção Cristas, encerra as jornadas, na terça-feira.

 

[Vídeo: Jornal i]

Actualizado em ( Quarta, 30 Janeiro 2019 23:30 )
 

História CDS

user4_pic

Conheça a história do Grupo parlamentar do CDS.

Parlamento Direto

bancada copy

Videos do Plenário, comissões e outras intervenções.

Iniciativas CDS

1 reuniao gp

Projetos de Lei e Projetos de Resolução apresentados pelo Grupo Parlamentar.

Deputados CDS

News image

Assunção Cristas

Círculo Eleitoral Leiria Presidente do CDS-PP

News image

Nuno Magalhães

Círculo Eleitoral Setúbal Presidente do Grupo Parlamentar Vice-Pres...

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Vice-Presidente do Grupo Parlamentar Vic...

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Hélder Amaral

Círculo Eleitoral Viseu Vice-Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Teresa Caeiro

Círculo Eleitoral Faro Vice-Presidente da Assembleia da República

News image

António Carlos Monteiro

Círculo Eleitoral Aveiro Secretário da Mesa da Assembleia da Repúblic...

News image

Álvaro Castello-Branco

Círculo Eleitoral Porto

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Filipe Anacoreta Correia

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Ilda Araújo Novo

Círculo Eleitoral Viana do Castelo

News image

Isabel Galriça Neto

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

João Rebelo

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Patrícia Fonseca

Círculo Eleitoral Santarém

News image

Pedro Mota Soares

Círculo Eleitoral Porto

News image

Vânia Dias da Silva

Círculo Eleitoral Braga