CDS questiona Governo sobre recusa na recondução de psicólogos nas escolas
Quarta, 07 Agosto 2019 13:13    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

psicologos escolasOs deputados do CDS-PP João Rebelo, Ana Rita Bessa e Ilda Araújo Novo questionaram hoje o Ministro da Educação sobre a recusa na recondução de psicólogos nos Agrupamentos Escolares.

A 23 de julho p.p., a Direção-Geral da Administração Escolar (DGAE) publicou uma nota informativa que permitia que os técnicos especializados em exercício em Agrupamentos de Escolas pudessem ser reconduzidos no ano letivo de 2019-2020.

O nome de vários técnicos, nomeadamente psicólogos, constava na plataforma dos diretores de Agrupamentos e foram vários os que reconduziram os técnicos. Esta recondução possibilitaria uma continuidade de acompanhamentos especializados a crianças e jovens com caraterísticas próprias e com os quais já havia sido iniciado um trabalho específico.

Similarmente, tornaria possível uma garantia de um melhor funcionamento das equipas multidisciplinares de apoio à educação inclusiva e possibilitaria uma dinâmica ajustada no funcionamento do próximo ano letivo.

Contudo, dias após estas reconduções a DGAE pronunciou-se no sentido de não autorizar que as mesmas se concretizassem por não se justificar a contratação destes profissionais.

De acordo com Artigo 29.º da Lei de Bases do Sistema Educativo - Apoio psicológico e orientação escolar e profissional, o apoio no desenvolvimento psicológico dos alunos e à sua orientação escolar e profissional, bem como o apoio psicopedagógico às atividades educativas e ao sistema de relações da comunidade escolar, são realizados por serviços de psicologia e orientação escolar profissional inseridos em estruturas regionais escolares.

Os deputados do CDS-PP questionam, por isso, se o Ministro da Educação confirma a publicação Direção-Geral da Administração Escolar de uma nota informativa que permitia que os técnicos especializados em exercício em Agrupamentos de Escolas pudessem ser reconduzidos no ano letivo de 2019-2020, e onde constavam os nomes desses técnicos, nomeadamente psicólogos, e se confirma também que, apesar disso, dias após estas reconduções terem sido feitas a DGAE se pronunciou no sentido de não autorizar que as mesmas se concretizassem por não se justificar a contratação destes profissionais.

Se sim, e sendo que a própria Lei de Bases do Sistema Educativo estipula a presença de psicólogos em escolas, os deputados do CDS-PP querem saber como vai o Ministério da Educação assegurar o apoio aos alunos sem estes profissionais.

Actualizado em ( Quarta, 07 Agosto 2019 13:15 )
 

Deputados CDS

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto Presidente do Grupo Parlamentar

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Assunção Cristas

Círculo Eleitoral Lisboa Presidente do CDS-PP

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga