CDS questiona Governo sobre futuro da Orquestra Geração
Quarta, 23 Setembro 2020 19:01    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

orquestra geracaoOs deputados do CDS Ana Rita Bessa, João Gonçalves Pereira e Telmo Correia questionaram o Ministro da Educação sobre o futuro da Orquestra Geração, sediada em Lisboa e Coimbra.

Ana Rita Bessa, João Gonçalves Pereira e Telmo Correia querem saber se o Ministro tem conhecimento da situação em que se encontra a Orquestra Geração e da falta de informações por parte do Ministério da Educação relativamente ao ano letivo em curso, qual o motivo para que, tendo o ano letivo já iniciado, ainda não haja qualquer resposta do Ministério da Educação quanto ao futuro da Orquestra Geração e se está o Ministério da Educação na disposição de continuar o apoio à Orquestra Geração, em que termos e quando.

A Resolução da Assembleia da República n.º 190/2019, que recomenda ao Governo a sustentabilidade do projeto «Orquestra Geração», estipula, entre outros, que se inicie os procedimentos necessários à disseminação do projeto «Orquestra Geração» em todo o território nacional.

Com um relevante papel de inclusão, através da formação musical de jovens e respetivas comunidades, e sob a supervisão pedagógica da Escola Artística de Música do Conservatório Nacional, a Orquestra Geração (OG) abrange atualmente 16 agrupamentos escolares – 15 na Área Metropolitana de Lisboa e um em Coimbra (em parceria com o Conservatório de Música de Coimbra) –, tem um projeto em conjunto com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e dá apoio ao desenvolvimento de uma orquestra no Agrupamento de Vialonga.

Desde o ano letivo 2009/2010 que a OG conta com o apoio do Ministério da Educação para a contratação de professores para os seus dois núcleos, com atividade em escolas oficiais de tipologia predominantemente TEIP, tendo já alcançado mais de oito mil alunos e famílias.

De acordo com uma carta enviada à Assembleia da República, este ano letivo, que já se encontra a decorrer, a OG não sabe ainda se vai poder continuar com o seu projeto, ou não, alegando ausência de informações por parte do Governo quanto ao apoio habitual para contratação de docentes.

Tendo em conta a importância deste projeto, o CDS-PP entende ser urgente uma decisão do Ministério da Educação sobre o futuro da OG, que mesmo em confinamento nunca deixou de acompanhar os seus alunos e manter a sua atividade.

Assim, entendemos ser da maior pertinência obter esclarecimentos por parte do Senhor Ministro da Educação.

 

Deputados CDS

News image

Telmo Correia

Círculo Eleitoral Braga Presidente do Grupo Parlamentar  

News image

Ana Rita Bessa

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

Cecília Meireles

Círculo Eleitoral Porto  

News image

João Gonçalves Pereira

Círculo Eleitoral Lisboa

News image

João Pinho de Almeida

Círculo Eleitoral Aveiro